Acesso à informação
Hoje, Quarta-Feira, 05/08/2020 - 20:40h   
Página Principal   Acesso a Suframa   Acesso a Modelo ZFM   Acesso a Serviços   Acesso a Notícias
» SUFRAMA - Notícias

 


12/08/2014

Incentivos da ZFM chamam atenção da indústria naval

Márcio Gallo


A divulgação das potencialidades da Zona Franca de Manaus (ZFM) e dos incentivos fiscais concedidos ao modelo de desenvolvimento regional foram o foco da apresentação conjunta da Superintendência da Zona Franca de Manaus (SUFRAMA) e da Secretaria de Planejamento e Desenvolvimento Econômico do Estado do Amazonas (Seplan/AM) no primeiro dia da 11ª edição da Navalshore, evento internacional da indústria naval que ocorre entre os dias 12 e 14 de agosto no Centro de Convenções SulAmérica, no Rio de Janeiro. As palestras fizeram parte da programação do ‘Espaço Inovação’ do evento.

 

O administrador da Coordenação-Geral de Estudos Econômicos e Empresariais da Superintendência (COGEC/SUFRAMA), Leonardo Costa, iniciou sua palestra abordando os incentivos fiscais concedidos à ZFM e os benefícios que os investidores podem usufruir ao se instalarem na região coberta pelo modelo de desenvolvimento regional, composta pelos Estados do Acre, Rondônia, Amazonas, Roraima e Amapá (este último com incentivos nos municípios de Macapá e Santana).

 

Leonardo destacou o Polo Industrial de Manaus (PIM) como exemplo de sucesso para aqueles que planejam investir na região, tendo em vista os crescentes índices de faturamento e de geração de emprego registrados pelo parque fabril instalado na capital amazonense, o terceiro maior do País. Ele lembrou, porém, que existem contrapartidas para todos que pleiteiam os benefícios da ZFM. “Todos precisam cumprir os chamados Processos Produtivos Básicos (PPBs), ferramentas necessárias à atividade industrial. Além disso, é preciso apresentar, dentre outras contrapartidas, níveis de geração de emprego na região e trabalhar na capacitação de recursos humanos”, disse Leonardo.

 

Cenário no Amazonas
Em seguida, o secretário-executivo da Seplan/AM, Ronney Peixoto, fez sua apresentação sobre a Indústria Naval do Amazonas. O secretário comentou sobre a evolução da indústria no Brasil e no Amazonas, ressaltando o potencial da região. “Os nossos rios são nossas estradas. É por lá que os insumos chegam e nossos produtos são escoados”, afirmou.

 

Em sua palestra, Peixoto falou sobre o atual cenário da indústria naval amazonense, com destaque para a geração de aproximadamente oito mil empregos diretos e indiretos nos cerca de 60 estaleiros de pequeno e médio porte instalados no Estado, que fabricam desde pequenas balsas até portos flutuantes, navios de grande porte e empurradores.

 

Ao final das apresentações, empresários, investidores e demais presentes ao ‘Espaço Inovação’ demonstraram grande interesse nas potencialidades do modelo e buscaram mais informações para futuros contatos de negócios.

 

Objetivo
A participação da SUFRAMA e da Seplan/AM na 11ª Navalshore busca fomentar a indústria naval da ZFM, além de ampliar o desenvolvimento e as potencialidades do modelo regional. A participação da SUFRAMA no evento é coordenada pela Coordenação-Geral de Promoção Comercial (COGPC/SUFRAMA) e faz parte da missão da autarquia de promover e divulgar a Zona Franca de Manaus, que ganhou especial interesse após sua prorrogação até 2073




Veja todas as notícias


CGCOM
cgcom@suframa.gov.br
92 3321-7038
92 3321-7006
92 3321-7042
92 3321-7006
92 3321-7243

Imagem Aérea da Sede da Suframa
Av. Ministro Mário Andreazza, 1.424 - Distrito Industrial
CEP. 69075-830 - Manaus - Amazonas
TEL: 55 92 3321-7000
ANEXO I (92) 3321-7000
Copyright © 1996-2014