Acesso à informação
Hoje, Sexta-Feira, 07/08/2020 - 08:57h   
Página Principal   Acesso a Suframa   Acesso a Modelo ZFM   Acesso a Serviços   Acesso a Notícias
» SUFRAMA - Notícias

 


04/02/2009

Pólo Eletroeletrônico da Zona Franca de Manaus realiza reunião para discutir medidas estratégicas de competitividade

Diego Queiroz


          A exemplo do Pólo de Duas Rodas e do Pólo de Condicionadores de Ar, que nas últimas semanas reuniram seus principais agentes para discussões de caráter estratégico, o Pólo de Eletroeletrônicos realizou nesta quarta-feira, 4, na sede da Superintendência da Zona Franca de Manaus (SUFRAMA), reunião com o objetivo de discutir medidas que poderão ampliar a médio e curto prazo a competitividade do pólo com maior empregabilidade e faturamento da Zona Franca de Manaus (ZFM).
          A reunião, agendada inicialmente com o objetivo de discutir a proposta da Central Única dos Trabalhadores (CUT) de redução do percentual de placas de circuito impresso (PCI) para aparelhos de áudio e vídeo, de 12% para 10%, foi mediada pela SUFRAMA e teve a participação de representantes da classe empresarial, da Associação Nacional dos Fabricantes de Produtos Eletroeletrônicos (Eletros), da CUT, da Força Sindical, da Secretaria de Planejamento e Desenvolvimento Econômico do Estado (Seplan) e de entidades representativas de classe.
          Além de fazerem uma avaliação da proposta da CUT, os participantes deram suas contribuições e apontaram outras medidas que podem contribuir para o crescimento do pólo eletroeletrônico da ZFM, com foco na geração de empregos por meio do incentivo ao consumo e ao aumento da produtividade. 
          Enquanto a Eletros acena com uma proposta que solicita um percentual de importação de placas montadas no Processo Produtivo Básico (PPB) de televisores LCD e também sugeriu novas medidas de redução da carga tributária pelos governos Federal e Estadual, outras entidades, como o Centro das Indústrias do Estado do Amazonas (Cieam), apontaram que a popularização das novas tecnologias deve ser a principal preocupação das propostas elaboradas para o setor. “Se estamos no discurso de modernidade, com o governo incentivando outras linhas de produtos populares, por que não pensar no subsídio de televisores LCD para as classes populares, o que estimularia consideravelmente a produção das fábricas da Zona Franca e, assim, geraria número de empregos expressivo”, sugeriu Maurício Loureiro, presidente do Cieam. “Estamos em busca de medidas que permitam incentivar o consumo e a produtividade, para que sejamos cada vez mais competitivos”, destacou o coordenador da Eletros, Carlos Goya.
          Segundo o coordenador-geral de Acompanhamento de Projetos Industriais da SUFRAMA, Gustavo Igrejas, as medidas para o setor eletroeletrônico passarão por objetivos semelhantes aos que já foram elencados para outros setores da ZFM: trabalhar a competitividade das empresas e buscar o adensamento da cadeia produtiva. “Precisamos trazer pontualmente os problemas para podermos discutir objetivamente todas as questões e medidas necessárias. Estamos antecipando uma discussão e o setor eletroeletrônico só tem a ganhar com isso”, destacou.
          As sugestões elencadas serão discutidas novamente em reunião no próximo dia 18 de fevereiro, data em que a Eletros também deve apresentar oficialmente a proposta para os televisores LCD e trazer análises sobre a proposta da CUT, indicando qual a extensão dos benefícios, tanto para trabalhadores quanto para as empresas, se as medidas forem adotadas.




Veja todas as notícias


CGCOM
cgcom@suframa.gov.br
92 3321-7038
92 3321-7006
92 3321-7042
92 3321-7006
92 3321-7243

Imagem Aérea da Sede da Suframa
Av. Ministro Mário Andreazza, 1.424 - Distrito Industrial
CEP. 69075-830 - Manaus - Amazonas
TEL: 55 92 3321-7000
ANEXO I (92) 3321-7000
Copyright © 1996-2014